06 novembro 2012

Vergonha alheia


Um casal jovem se aproximou e pediu uma informação.
Notei que não eram da cidade.
Ela segurava um papel, ele reparava no local;
Os dois se distanciaram e continuei  observando seus modos.
De longe vi quando disfarçadamente ela amassou e jogou a folha no chão.
Na rua limpa, na grama cuidada, na cara-de-pau.
Com tantas lixeiras no local,  por quê?
Inconformada, eu a chamei querendo dar-lhe uma lição:
-Moça! Moooça! Moooooça!
Ela então olhou pra trás e eu gritei:
-Você "deixou cair" aquela folha!
Ela deu meia volta, sorriu, e
 bastante sem graça abaixou para pegar sua vergonha que estava jogada com aquele lixo.

Um dia eu ainda apanho...rs
Quer comentar? aqui

Beijos